You are using Internet Explorer 11 or earlier, this browser is no longer supported by this website. We suggest to use a modern browser.

Acero eléctrico: el corazón de un motor eléctrico
  • Home
  • Aço elétrico: o coração de um mo...

Aço elétrico: o coração de um motor elétrico

Fluxo magnético maior, maior eficiência

Baterias mais potentes são o item mais importante para motores elétricos em carros? Não exatamente. Um material muito especial é necessário para a bateria ter potência na estrada: aço elétrico. O aço elétrico é um material magnético suave. Em tais materiais, um campo magnético gera uma densidade de fluxo magnético muito maior que haveria em caso de ar. Simplificando, o campo magnético é reforçado pelos materiais magnéticos suaves. A densidade do fluxo é fundamental para o torque de um motor elétrico.

Acero eléctrico: El corazón de un motor eléctrico

Perdas no núcleo são outros critérios importantes para a eficiência de acionamentos elétricos. Essas perdas ocorrem devido à direção constantemente em mudança do campo magnético. Em consequência disso, parte da energia usada para ativar o motor elétrico é perdida como calor. O nível de perdas do núcleo depende da frequência com que a direção do campo magnético muda e, obviamente, da qualidade do aço elétrico.

Um material muito especial é necessário para a bateria ter potência na estrada: aço elétrico.

Acero eléctrico: El corazón de un motor eléctrico

Para motores elétricos convencionais, tais como os usados em elevadores ou nas ferramentas de máquinas, a frequência é de 50 hertz. Por outro lado, motores de alta velocidade para carros elétricos e híbridos podem ter frequências de mais de 400 hertz. Portanto, os objetivos para os desenvolvedores de aço elétrico são claros: os carros elétricos precisam de materiais magnéticos mais suaves com alta densidade de fluxo e com o mínimo de perdas de núcleo a alta frequência. Desenvolvemos o aço elétrico com 30% menos perda de núcleo que as classes padrão.