Skip Navigation

Programa de Compliance

O programa de Compliance da thyssenkrupp abrange três elementos: orientar, identificar, informar e agir. Está rigorosamente interligado com a gestão de risco e com o nosso sistema de controle interno. Dessa forma, garantimos que o Compliance seja parte integral de cada processo administrativo particular.

O programa de Compliance está focado na lei antitruste e na prevenção à corrupção. Durante o último um ano e meio, medidas relacionadas à lavagem de dinheiro, proteção de dados e à lei italiana de Compliance 231/01 foram integradas de forma suplementar e estabelecidas como parte do programa de Compliance. Em relação a outras áreas temáticas, tais como segurança ocupacional e proteção ambiental, a função de Compliance assumiu o papel de orientador, coordenador e consolidador. Responsabilidade substancial nessas áreas com as funções corporativas competentes e com as áreas de negócio; a equipe de Compliance provê suporte e consultoria ao Executive Board.

Configuração e elementos do programa de Compliance.

thyssenkrupp configuração e elementos do programa de Compliance.

Os três pilares do programa de Compliance

Informar & Orientar

Componentes centrais do pilar "Informar" do nosso programa de Compliance são a lei de antitruste e os programas de capacitação de prevenção realizados pelos responsáveis por Compliance. Nos programas, os colaboradores são informados sobre as exigências de Compalince, riscos e possíveis sanções. As exigências se baseiam na lei e nas políticas do Grupo. Elas também tratam da implementação de normas internacionais. Elas abrangem, por exemplo, normas para lidar com a concorrência e com os parceiros de negócios, além da postura em caso de convites e presentes e a proibição de pagamentos de facilitação.

Nos anos fiscais 2014/2015, mais de 9.700 colaboradores ao redor do mundo compareceram a cursos presenciais. Em nosso programa de aprendizagem online de Compliance, cerca de 47.000 colaboradores concluíram com sucesso os cursos anticorrupção e aproximadamente 41.000 colaboradores de finalizaram cursos sobre antitruste entre agosto de 2012 e setembro de 2015. Em novembro de 2015, presenciamos o começo do que era, enquanto isso, a nossa quarta etapa de programas de aprendizagem online.

Em relação às nossas atividades de orientação de Compliance, apoiamos transações de negócio importantes, por exemplo, relacionadas a fusões e aquisições; grandes projetos ou engajamento de intermediários. Para isso, os colaboradores podem entrar em contato com seus responsáveis por Compliance nas áreas de negócio, regiões e corporativo ou entrar em contato com a central de atendimento. Os responsáveis também aconselham as unidades de operação a integrar o Compliance em seus processos de negócios.

Identificar

O pilar "Identificar" do programa de Compliance foca na análise de operações de negócio críticas com base na orientação ao risco e no processo de auditoria estruturado.

Além disso, nos anos fiscais de 2013/2014, realizamos uma avaliação de risco orientada completa em todo o Grupo. Com base em um questionário detalhado, a equipe de Compliance analisou os riscos concretos, principalmente nas áreas de lei antitruste e prevenção a corrupção, bem como o grau de implementação do programa de Compliance nas empresas do Grupo. Em uma segunda etapa, foram realizados workshops em mais de 100 empresas do Grupo, em que as medidas foram desenvolvidas a fim de informar e reduzir os riscos identificados.

Um elemento adicional na identificação de riscos de Compliance é o nosso sistema de denúncia. Juntamente às opções de entrar em contato diretamente com um supervisor ou com o departamento de Compliance, esse sistema fornece aos colaboradores um canal suplementar para relatar possíveis infrações de leis ou de políticas sem revelar sua identidade.

Informar & Agir

O terceiro pilar, "Informar & Agir", engloba o reporte intenso de Compliance em todas as três dimensões da nossa matriz organizacional. Em caso de infrações à lei antitruste ou anticorrupção, nossa política de "tolerância zero" aplica sanções que são sistematicamente impostas aos colaboradores

voltar ao topo